quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

ACIDENTE COM BIARTICULADOS MATA DOIS E FERE OITO EM SP


A decadência do padrão tecnocrático de transporte coletivo está a olhos vistos, embora as autoridades que os defendam não abram mão desse padrão decadente e até tentem resolver o problema sem ter que acabar realmente com ele.

Enquanto isso, os ônibus em cidades como Rio de Janeiro, São Paulo e até mesmo Curitiba estão cada vez mais sucateados, circulando com latarias amassadas, estrutura solta - que faz os ônibus rodarem como se estivessem sacolejando feito caminhões de entulho - e acidentes diversos acontecem.

Na manhã de hoje, foi a vez de São Paulo mostrar um trágico acidente, quando dois ônibus articulados colidiram depois que um deles esmagou um táxi, matando o motorista e um passageiro. Bombeiros tentam ver se uma terceira pessoa estaria presa nas ferragens do automóvel.

O acidente ocorreu na Av. Vereador José Diniz, na Zona Sul de São Paulo, na altura da Rua Joaquim Nabuco. Oito pessoas saíram feridas sem gravidade. O trânsito ficou congestionado e a faixa esquerda da pista, no sentido Centro, chegou a ficar totalmente bloqueada. Os passageiros de outros ônibus tiveram que descer dos coletivos e andar a pé pelo trecho bloqueado.

É esse o modelo de transporte coletivo que as autoridades querem que prevaleça. E é esse o sistema de ônibus que receberá os turistas que chegarão aqui daqui a cerca de três meses. Será preciso que os turistas também morram para que se admita a decadência desse modelo de sistema de ônibus originário da ditadura militar? Quantos mortos serão precisos para que se admita a crise desse sistema?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...