terça-feira, 13 de dezembro de 2011

INCÊNDIOS ENVOLVEM ÔNIBUS EM SÃO PAULO E RIO DE JANEIRO



Mais um fato põe em xeque o modelo de transporte coletivo adotado em São Paulo, Curitiba, Rio de Janeiro, Brasília e outras.

A concentração de poder nas secretarias de transporte, a camisa-de-força política dos consórcios envolvem a pressão pela "qualidade total" (dentro dos padrões injustos do neoliberalismo administrativo) que não obstante causa problemas de saúde nos motoristas em pleno trabalho, o que pode causar acidentes sérios.

Por outro lado, as empresas, sufocadas pelo poderio estatal que, em vez de apenas fiscalizar, manda e desmanda no transporte, acabam deixando de fazer a manutenção necessária nos ônibus, o que faz com que, em certos casos, ocorra incêndios.

No último dia 11, houve um incêndio envolvendo um ônibus da Translitorânea Turística, linha 315 (Central / Recreio - Via Linha Amarela), no trecho da Linha Amarela (Av. Gov. Carlos Lacerda) próximo ao Túnel da Covança, na altura de Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Hoje foi a vez de um ônibus da Viação Campo Belo, linha 5118/10 Terminal João Dias / Largo São Francisco, na altura do Morumbi, Zona Sul de São Paulo.

Nota-se que em modelos de administração do transporte coletivo desse porte, cuja "vitrine" é o visual padronizado dos ônibus, camuflando as empresas para não haver reconhecimento dos passageiros, há maior ocorrência de acidentes, males súbitos de motoristas, atrasos nos ônibus etc.

Tudo porque a base dessa administração é tecnocrática, onde o interesse político e técnico nem sempre estão de acordo com o interesse público, embora teoricamente se afirmem "em nome dele".

E, a cada dia, fatos inúmeros e de diversos aspectos mostram o quanto esse esquema está decadente, apesar dele continuar prevalecendo nas políticas para o transporte e serem defendidos por "elites" de busólogos atrelados ao poderio político.

Um comentário:

  1. Exatamente: o Poder Público tem que fiscalizar ao invés de dar palpites com pintura e tal.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...