segunda-feira, 28 de novembro de 2011

"CURITIBANIZAÇÃO" DOS ÔNIBUS AFETA SAÚDE DOS MOTORISTAS



O modelo tecnocrático de transporte coletivo, que também é conhecido como "curitibanização" por sua origem ter sido na capital paranaense, mostra o quanto é decadente até mesmo nas relações de trabalho.

Pois vários casos de "mal súbito" atingem os motoristas, devido às pressões violentas que esse sistema, expresso pelo poder concentrado das Secretarias de Transporte (municipais ou metropolitanas) sobre o sistema de ônibus, e que provocam acidentes ou transtornos que geram tragédias.

Ou seja, esse "maravilhoso" sistema de transporte mata passageiros e motoristas, e vamos ver quantos serão os mortos e os ônibus danificados a ocorrerem no Rio de Janeiro.

Pois em São Paulo, do qual a prefeitura do Rio se inspira para implantar seu "novo" sistema, um motorista de quase 60 anos teve um mal súbito e provocou um acidente em Sapopemba, bairro da Zona Leste da capital paulista. Com o problema de saúde, o motorista provocou um acidente que irritou os passageiros.

Estes, indo para um "baile funk", ficaram revoltados e lincharam o motorista até a morte, e depois depredaram o veículo e praticaram alguns assaltos. Isso tudo na noite do último sábado, 26 de novembro.

Esses transtornos mostram para certos busólogos-pelegos que não vivemos mais nos tempos do AI-5, não cabendo mais esse "golpe de 1964" busólogo que sacrifica tanta gente.

Um comentário:

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...