sábado, 22 de janeiro de 2011

QUANDO A CABEÇA É QUENTE DEMAIS, O PÉ FICA DEMASIADO FRIO


BUSÓLOGO ATACOU BLOGUEIRO POR CAUSA DE FOTOS "HORROROSAS" COMO ESTA.

Reacionário existe em qualquer lugar. Na busologia, vemos a truculência partindo de gente que poderia ser nossa aliada, mas que agora faz qualquer busólogo de bem evitar os encontros antes promovidos de forma organizada.

Tudo porque, nos últimos anos, vários busólogos demonstraram-se lamentavelmente grotescos, temperamentais, desrespeitosos, autoritários e até censores. Basta discordar de uma vírgula de um busólogo para ele pedir para você retirar a foto de fulano, mesmo depois dela estar há anos no fotolog que você faz.

São xingações contra qualidade de fotos, contra discordâncias construtivas - mas que são contra o interesse de determinado grupo busólogo - , ou então pelo costume típico dos livros de Franz Kafka de se apegar a uma marca de uma empresa de ônibus que hoje está sucateada e em séria crise financeira.

Isso é muito triste, porque busólogos que começam a ter visibilidade e possuem fotos publicadas até em portais sérios como o Railbuss e o Portal Interbuss reajam com tanta truculência e grosseria, chamando fulano de "seu m..." ou então dizendo que "vc eh um fotografo horroroso".

Será que tem mérito determinados busólogos, não apenas de um grupo mas até de alguns outros, em se destacarem na busologia enquanto, nos bastidores, partem para xingações baratas contra quem não concorda com uma vírgula do que eles falam?

É certo que a arrogância tem preço. Sempre tem. Haverá uma situação na vida em que a valentia encontrará obstáculos, ou então o próprio abismo. Praga minha? Nem de longe! As armadilhas serão feitas pelo próprio arrogante.

O que dizer daquele busólogo que disse "tira as fotos minhas, seu m..." se o editor do Railbuss disser a seguinte mensagem:

"Busólogo tal, tivemos que tirar todas as suas fotos, porque ouvi denúncias de que você violou o princípio ético em mensagens na Internet. Mas, como sabemos que você tem um fotolog que publica fotos suas, você não deve sentir a menor falta. Peço sua compreensão. Atenciosamente..."

O que dizer de outro busólogo, que chamou outrem de "fotógrafo horroroso", quando, logo na sua mais ambiciosa sessão fotográfica, a sua máquina digital pifar logo no início de sua visita a uma exposição de ônibus? Aí esse busólogo ofensor vai pedir para o colega emprestar outra máquina e este vai negar, dizendo: "Ih, essa máquina é minha, mané! Tenho um monte de fotos pra tirar, se vira!".

Isso sem falar de atritos internos que podem haver, dentro dos próprios grupos busólogos, por pequenas ninharias. Ou mesmo a péssima reputação que certos busólogos grotescos acabam tendo. Sou eu que invento isso? Não.

Eu observo o quanto pessoas temperamentais podem botar tudo a perder. No primeiro instante, o valentão agressor se acha vitorioso, tem visibilidade e poder. Mas sua irritabilidade, que pode intimidar outrem em algum instante, pode botar o valentão a perder, em derrotas que ele perde totalmente o controle, nada consegue resolver, tudo porque perdeu a cabeça à toa.

A vida mostrou milhares de exemplos, e mostra sempre. Na campanha eleitoral de 2010, José Serra tinha toda a mídia, o mais poderoso empresariado e até as multinacionais dos EUA que investiram milhões para uma campanha que o candidato acreditava imbatível. Perdeu de forma humilhante.

Isso porque Serra e a grande imprensa perderam a cabeça, agiram de forma agressiva contra a chapa opositora (de Dilma Rousseff, que acabou vencendo as eleições e hoje ela governa nosso país), fizeram baixarias, seus adeptos partiram para xingações na Internet, e por isso a derrota foi certa.

Independente de eu me achar fotógrafo medíocre ou não, seria melhor que a discordância fosse mais respeitosa. O busólogo que me xinga de "fotógrafo horroroso" hoje pode ser aquele que verá sua máquina pifar na próxima exposição de ônibus que vier. E é provável que ninguém aceite emprestar a máquina para ele tirar suas fotos, ele vai ficar mordendo os beiços.

Como o outro busólogo truculento - que acha fácil mutilar fotologs que há tempos publicaram as fotos dele, só por uma discordância de nada - pode muito bem ter sessões canceladas em portais de ônibus, só por causa de sua conduta truculenta e arrogante.

O arrogante de hoje parece vitorioso e confiante. Mas será o derrotado envergonhado de amanhã.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...