domingo, 31 de outubro de 2010

DEFENSORES DA PADRONIZAÇÃO VISUAL DEMONSTRAM SER INFANTIS



Francamente, até no bullying existe a transferência de adjetivos, quando aquele que humilha atribui seus adjetivos àquele que é humilhado.

Pois vemos o quanto os defensores da padronização visual dos ônibus do Rio de Janeiro, que acusam os opositores de serem infantis, provam mais ter essa qualidade.

Enquanto nós, opositores, lançamos argumentos racionais, objetivos, analisando as coisas não somente no nosso ponto de vista, mas procurando ver o caso do povo pobre, que é o maior lesado nesse esquema lançado pelo prefeito carioca Eduardo Paes, eles só vem com acusações, comentários mesquinhos e outras baixarias.

Até agora o lado favorável à padronização visual não veio com argumentos novos nem com alegações pertinentes quanto ao esquema. Pelo contrário, as adesões de última hora revelam-se tão suspeitas que dá muito pano para a manga.

O comportamento dos partidários da padronização visual lembra muito o comportamento "moleque" que vemos em José Serra, Ali Kamel, Otávio Frias Filho, no âmbito da direita político-midiática. E que a Fetranspor tem muito a ver com Paulo Preto, por exemplo.

Nós procuramos não ver as coisas pelo ponto de vista privativo dos busólogos. Sim, nós até podemos reconhecer as linhas de ônibus que as frotas visualmente padronizadas servirão. Mas o cidadão comum, não.

Aí é que erram os tecnocratas do transporte, que pensam que todo mundo tem doutorado, pode viajar para as feiras de transporte em Frankfurt, e que até cegos e surdos podem reconhecer um chassis de ônibus.

E ainda acham que uma mera padronização visual vai disciplinar o transporte coletivo e trazer renovação de frota a qualquer momento para as ruas.

Esse pessoal é que é infantil. É imaturo, e está comemorando a vitória antes do campeonato. Mal sabem eles o que espera, quando a padronização visual deixar de ser novidade. Em Curitiba e São Paulo, o transporte coletivo virou uma tragicomédia, por conta do mesmo esquema a ser oficialmente implantado no Rio daqui a seis dias.

Um comentário:

  1. A essa altura, Eduardo Paes deve estar fazendo a carreata da vitória da Dilma. Com a presença de seus ônibus branquinhos.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...