domingo, 26 de setembro de 2010

EM CRISE, TRANSPORTE DE CURITIBA MOSTRA NOVO ÔNIBUS




Em tempos em que o transporte coletivo de Curitiba está em franca decadência, devido ao claro desgaste do modelo tecnocrático lançado em 1974, a prefeitura da capital paranaense divulga novo ônibus.

Trata-se do Hibribus da Volvo (motor e carroceria), um ônibus que pode ser movido a eletricidade ou por diesel. Com uma concepção arrojada, o ônibus tem acesso para deficientes e seus bancos são confortáveis para os padrões urbanos.

A iniciativa é boa, o ônibus é lindo e funcional, e a pintura usada para a exibição do novo ônibus é também muito bela.

Mas sua exibição em Curitiba é um dos últimos recursos de um modelo em crise, o modelo que junta administração centralizada da Secretaria de Transportes e da padronização visual dos ônibus, que expande-se pelo país ao mesmo tempo em que seu desgaste avança e seu suposto êxito é contestado pela prática.

Além do mais, a "empresa" escolhida - na verdade, sócia da paraestatal Cidade de Curitiba, a empresa de ônibus em questão - foi a Auto Viação Redentor, que teve um ônibus envolvido num trágico acidente, com dois mortos, meses atrás.

Afinal, não devemos esquecer o modelo "curitibano" foi implantado durante a ditadura militar e segue uma lógica neoliberal e tecnocrata aplicada ao sistema de ônibus. Com 36 anos de existência, esse modelo já não oferece mais respostas nem soluções para os problemas dos ônibus, até contribuindo para agravá-los, como o fato das classes populares pegarem constantemente ônibus errados devido à uniformização visual.

Seu desgaste é tanto que sua roupagem "moderna" e "futurista" já começa a perder seu sentido prático, contradizendo seriamente as teorias perfeccionistas dos tecnocratas aplaudidos em seminários. Porque a bela teoria planejada pela fértil imaginação dos técnicos, no alto de seus gabinetes, não corresponde à complexa realidade das ruas, sentida na carne pelos passageiros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...