quinta-feira, 30 de setembro de 2010

CURITIBA: MAIS AUTOMÓVEIS INDICAM SISTEMA DE ÔNIBUS RUIM



Como escrevemos, toda cidade e todo sistema de transporte coletivo pode sofrer com o aumento do número de automóveis, com acidentes de ônibus, e por aí vai.

Mas, diante de um modelo que se autoproclamava "perfeito" a ponto de muita gente tratar o arquiteto Jaime Lerner como se fosse um "deus", esses transtornos, que poderiam ser apenas normais, se tornam uma aberração. Porque a pretensão acaba por significar também um fardo bastante pesado, na medida em que as pressões da realidade concreta se tornam cada vez maiores.

O desgaste do modelo de transporte idealizado por Lerner torna-se tão claro que os sérios transtornos e equívocos são divulgados na imprensa de forma cada vez crescente. E, se medidas impopulares como a uniformização visual dos ônibus e mesmo a redução das frotas de ônibus em circulação - sob o pretexto de que a rapidez (sic) dos mesmos compensa - mostram-se completamente ineficazes, então toda aquela ilusão do "transporte coletivo perfeito" se desmascara a cada dia, dificultando cada vez mais os argumentos contrários a essa constatação.

Neste caso, o aumento do número de automóveis acaba denunciando a falta de confiança dos passageiros quanto ao serviço de transporte coletivo. Em Curitiba, a situação torna-se então mais dramática, e, com mais carros, os ônibus, que são poucos, se tornam cada vez mais lentos, e, sendo poucos, ficam superlotados, principalmente em horários de pico.

E as coisas tornam-se cada vez piores. Queiram ou não queiram tecnocratas como o sr. Lerner.

4 comentários:

  1. Mais carros significa maior poder aquisitivo da classe média. O sistema de Curitiba, que sempre pode ser melhorado se a prefeitura realmente der prioridade e investir em melhorias que a própria equipe de Lerner propoe, é um dos sistemas de transportes públicos mais copiados no mundo todo,

    ResponderExcluir
  2. O problema não é as pessoas terem mais automóveis, o problema é se há mais automóveis em circulação. É evidente que o aumento da circulação de automóveis nas ruas, independente de a classe média ter mais ou menos poder aquisitivo, mostra que há falta de confiança no sistema de ônibus.

    O fato do modelo de Jaime Lerner, oriundo da ditadura militar, se copiado no mundo todo, não significa que ele seja bom ou perfeito. A visibilidade e o poder que ele exerce é algo que até o pessoal do PSDB tinha há 25 anos atrás. Envolve alianças entre o empresariado, entre os tecnocratas e os políticos, que gostam do projeto, independente dele ser de interesse público ou não (e, no caso, o projeto é contrário ao interesse público, apenas atende a uma classe média mais abastada).

    Os noticiários de Curitiba mostram que a decadência do modelo curitibano é evidente, e que qualquer chance de melhoria está cada vez mais difícil de ser praticada, devido aos vários motivos que são expostos aqui neste blog.

    ResponderExcluir
  3. Muitos entendidos em transporte e planejamento urbano acabam indicando VLT ou metrô como soluções urbanas únicas, justamente, por não terem nunca na vida andado de ônibus (estes, mesmo quando crianças sempre iam com os pais de carro para escola e outros lugares e quando atingiram a maioridade ganharam moto ou carro).
    Isto é, são pessoas que conhecem apenas na teoria sobre determinados tipos de transporte. E estas pessoas acima de tudo por não gostarem de ônibus afirmam que a solução é retirar os ônibus das ruas, preservar motos e carros (veículos que essas pessoas utilizam para se locomoverem) e investir em VLTs, metrôs e trens.
    É preciso acima de tudo, uma nova visão sobre os ônibus, como um meio de transporte rápido, seguro e barato.
    Quanto a metrô, quando justificada a demanda de uma localidade a este ser implantado, é positiva sim a vinda deste, afinal, como eu disse antes, trilhos e pneus se complementam.

    ResponderExcluir
  4. Caro amigo,
    acesse esse texto do meu Blog, nesse texto mostra o quanto os carros de passeio (hatchs, sedans, coupés e conversíveis) são nefastos para as cidades : http://ambuss-ambuss.blogspot.com/2011/01/carros-de-passeio-hatchs-sedans-coupes.html

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...