segunda-feira, 14 de junho de 2010

FECHAMENTO DA AV. RIO BRANCO É UM ATO INSENSATO



Só a vaidade de um político relativamente inexperiente - tem só 40 anos e uns poucos de carreira política - como o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, para fechar uma avenida grande e movimentada como a Av. Rio Branco, no Rio de Janeiro.

E como se, em São Paulo, fosse fechada a Av. Paulista, em toda sua extensão.

Os pretextos são "turísticos" e "ecológicos" e no lugar da grande avenida está previsto um calçadão com parque, talvez uma espécie de bosque de mármore. E nada será feito para compensar a avenida fechada, porque o trânsito será tão somente remanejado para as avenidas Passos e Alfred Agache. Congestionamentos serão mais comuns e inevitáveis.

A ignorância de Eduardo Paes o faz pensar que cidade de Primeiro Mundo se define pelas praças e calçadões megalomaníacos. Grande erro.

Mas, enquanto ele quer desperdiçar R$ 300 milhões para fechar a Av. Rio Branco, ele pouco se interessa em urbanizar o Complexo do Alemão, que está a olhos vistos dos forasteiros que chegam do Galeão.

E o prefeito carioca acha muito construir uns pequenos conjuntos populares e deixar as favelas no lugar, em vez de urbanizar todos os bairros do Complexo do Alemão e da Maré. Ele acha muito colocar um teleférico que não vai se destacar muito ante a gigantesca selva de barracos mal-construídos. O povo dessa área merece bairros mais urbanizados, sem favelas, mas com condomínios populares no lugar.

E a despoluição da Baía da Guanabara, muito mais importante do que transformar avenidas em calçadão? Só porque os EUA deixaram vazar toneladas de óleo no Golfo do México não quer dizer que a poluição da Baía da Guanabara seja café pequeno. Pelo contrário, toda poluição é ruim e a Baía da Guanabara já produziu uma tragédia ambiental suficientemente grande para que alguma coisa seja feita pelas autoridades.

É bom o prefeito Eduardo Paes pensar nisso, antes de se arrepender dolorosamente depois.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...